sábado, 7 de janeiro de 2012

De Bará a Oxalá - YANSÃ

por Pauline de Yemanjá Bocí




YANSÃ


Yansã é a terceira Orixá do Orumalé. Deusa dos Raios e Tempestades, Yansã é uma guerreira. Carrega em cada uma de sua mãos uma espada e uma vassoura de crina de búfala. Yansã é responsável pelas alianças, tanto amorosas como de trabalho, familiar, enfim todo tipo de aliança. Conta-se na lenda de Yansã ela casou-se com todos os Orixás e com cada um deles aprendeu um segredo importante, por isso Yansã é muito aclamada e existem todos os tipos de serviços para ela.

Yansã era um mulher muito formosa mas um tanto quanto afoita. Oxum ensinou seus truques de beleza a Yansã tornando-o mais bela ainda. Fora casada com Ogum, com quem ela aprendeu a arte da Guerra. Tempos depois Xangô apaixona-se por ela. Ogum tinha o hábito de beber bastante e para fugir com Xangô ela embebeda Ogum. No batuque Yansã e Ogum dançam a Aforíba que é a dança que caracteriza a guerra entre Ogum e ela em decorrência da fuga de Yansã.

CLASSIFICAÇÕES DA ORIXÁ YANSÃ


Yansã se classifica como Oyá Yansã e Oyá que se subdivide em Oyá Timboá e Oyá Dirã.

Oyá Yansã
Oyá Yansã tem como característica marcante a importância que dá para a família e seus filhos. 

Oyá Dirã
Oyá reina nas Ruas e nas Encruzilhadas, trazendo movimento. O Assentamento de Oyá Dirã em um Ilê de em frente a porta de entrada dentro do Ilê(em uma casinha assim como o Bará Lodê). 

Oyá Timboá
Oyá Timboá reina no Cemitério, a senhora dos Eguns tem seu Assentamento quando o Babalorixá ou Yalorixá possui o Balê ficando do lado do Balê ou nos fundos ou na entrada do Ilê (geralmente um pátio e a casinha da Oyá Timboá fica dentro, afastada da Oyá Dirã). Toda vez que se entra no cemitério devemos pedir Agô (licença) para ela para que nos permita executar o serviço desejado. O que difere as Nações (Nagô, Oyó, Gêge, Ijexá, Gêge e Ijexá) é que nós da Nação de Cabinda no caso de sermos filhos de Oxum ou Yemanjá ou Oxalá podemos entrar no cemitério para qualquer serviço. Nas outras Nações isto geralmente não é possível.

A forma que saudamos Yansã é EPAIÊIO. As cores respectivas dela são o branco e o vermelho. O dia da semana de Yansã é terça-feira.

Suas ervas características são: guiné, oro, alevante, dinheiro em penca, fortuna, avenca, espada de Santa Bárbara, espada de Santa Catarina, erva de Loyá, abóbora (folha), alecrim, amor perfeito, batata doce (folha), moranga (folha), morango (folha), romã (folha), suspiro, pitangueira (folha), manjericão, jasmin, imburana.

Os Adjuntós (combinações) de Yansão são:

Yansã Oyá Timboá com Bará Lodê ou Ogum Avagã
Yansã Oyá Dirã com Ogum Avagã
Yansã Oyá com Bará Adague (às vezes com Bará Lanã ou Bará Agelú), Ogum Onira, Xangô Agandjú, Xapanã Jubeteí
Iansã com Bará Lodê, Xangô Agodô, Xapanã Sapatá, Xapanã Belujá

Yansã rege os seguintes órgãos: estômago, trompas, vagina, sangue, ossos da cintura pélvica, seios.

Em seu assentamento vão os seguintes itens: espada, par de alianças, punhal, vassoura de crina de cavalo, espada em forma de raio.

Na oferenda (frente - comida dos Orixás) que fazemos para Yansã Oyá e Oyá Dirã, usamos pipoca estourada, 6 rodelas fritas de batata doce, dendê ao redor das batatas doce, uma maçã vermelha e um fio de mel em cima da maçã. A oferenda de Oyá Timboá leva os mesmos itens e uma batata doce assada com pele.  Seu Ocutá é em forma arredondada parecendo um coração e de cor avermelhada. Os serviços feitos para Yansã geralmente são voltados para o lado amoroso e quem pretende comprar uma casa oferecemos a sua frente. Pode-se também fazer Banho para Yansã para atração.


Neste link abaixo você por acessar no Youtube a Reza de Yansã de Nação Cabinda.
Reza de Nação Cabinda de Yansã

Quer saber mais? Entre em contato conosco pelo e-mail danieladeoxumademum@gmail.com

Axé a todos!

Nenhum comentário:

Postar um comentário